Título: TERRITÓRIOS CULTURAIS,
FRONTEIRAS E TRADUÇÃO

Organizadores: CUNHA, Andrei; RASSIER, Luciana; KAHMANN, Andrea

ISBN: 978-65-88865-78-1

Formato: 14 x 21
Páginas: 640
Gênero: Ensaios
Publicação: Class, 2021

SUMÁRIO

Apresentação
Andrea Kahmann, Andrei Cunha e Luciana Rassier

A malungaje de Oliveira Silveira e a negritude como ponto de cruzamento da América Latina
Adriana Kerchner da Silva

Caminhada, memória e literatura: indagações sobre pesquisa de campo em estudos literários
Alan Osmo

As paisagens em Dois irmãos, de Milton Hatoum
Amilton Queiroz e Ezilda Silva

Teoria brasileira da literatura nos 80 anos da morte de Walter Benjamin
Ana Clara Magalhães de Medeiros

O agir do sujeito no mundo e seu horizonte de visão: relações éticas e estéticas entre Bruno de Menezes e Fialho D’Almeida
Ana Cleide Vieira Gomes Guimbal de Aquino

A pluralidade do liminar Warhaftige Historia de Hans Staden

Andreja Bole Maia

Do pedagógico ao performativo: duas percepções sobre Belém do Grão Pará de Dalcídio Jurandir
Ariadna Ferreira Galvão

Geopoesia.br nas ruas de niemar: por uma teoria da literatura brasileira
Augusto R. da Silva Junior

A escrita como memória e ressignificação de si em Quarenta dias, de Maria Valéria Rezende, e Mar azul, de Paloma Vidal

Bruna Santiago dos Reis

Mar Paraguayo: uma língua como a integral de equívocos
Diego Emanuel Damasceno Portillo

Passagens de Meu tio Roseno, a cavalo, de Wilson Bueno: compondo limiares

Eliza da Silva Martins Peron

O testemunho de Hans Staden

Elizamari Rodrigues Becker

Figurações da Amazônia na graphic novel Castanha do Pará

Ellen Aline da Silva Sousa, Francisco Pereira Smith Júnior e Marcelo do Vale Oliveira

Legados da memória e da ficção nas escritas de si de Boris Schnaiderman: Caderno italiano e Guerra em surdina
Evelina Hoisel

Ricardo Lísias: a memória como vetor de intervenção performática
Felipe Garzon Sut

Uma experiência fotográfica de um flâneur no Quilombo Poços do Lunga, Taquarana-AL
Francisco Jadir Lima Pereira

“I am a follower of stories”: a jornada rumo a uma cura em Faces in the moon

Gabriela Pirotti Pereira e Rosana Ruas Machado Gomes

Um diálogo entre Fantasmas, de Calle e Auster
Gabriela Semensato Ferreira

A literatura de cordel em Goiás: um olhar sobre a obra de Paulo Nunes Batista
Gláucia Mendes da Silva

Marguerite Duras e a memória reconstruída em La douleur
Isabela Magalhães Bosi

Grafismo indígena: do conhecimento imaterial para pensar a poética do traduzir
João Paulo Ribeiro

A violência traduzida em palavras: La vie sans fards [A vida sem maquiagem] (2012), uma autobiografia de Maryse Condé
Kelley B. Duarte

Memória e política na tradução brasileira de Animal farm, de George Orwell
Lara Giselle Guardiano

Poéticas olfativas na geopoesia de Goiás: imagens gourmandes em O prato azul-pombinho, de Cora Coralina
Lemuel da Cruz Gandara

Geopoesia e flânerie em Machado de Assis: a ótica do transeunte no Memorial de Aires
Marcos Eustáquio de Paula Neto

Visões de uma etnoflâneuse aprendiz em territórios literários de Minas
Maria Cecilia Marks

Marguerite Duras: a escrita de si em O amante, A dor e O amante da China do Norte

Maria Cristina Vianna Kuntz

Diários de Maria Isabel Silveira (1880–1965): rastros do pensamento em ação
Mariana Diniz Mendes


Expressões literárias ao redor dos conflitos de terra no contexto da integração brasileira na América Latina
Oscar Jhony Villa Ramírez

A escrita dos rituais performáticos: pequenas festas entre o transe no terreiro de candomblé e a vertigem do corpo que dança
Renata Borges de Azevedo

Memória popular de Evita na Argentina
Rosa Maria da Silva Faria

A terra das seringueiras: uma leitura da letra da música Rimadeira, de Álamo Kário
Saide Feitosa da Silva e Willianice Soares Maia

Retratos de uma mulher em Querido Diego, te abraza Quiela, de E. Poniatowska

Solange do Carmo Vidal Rodrigues

“A hora e a vez de Augusto Matraga”: o imbricamento do erudito e do popular

Sophie Céline Sylvie Guérin Mateus

Narrativas autobiográficas: uma análise comparativa entre a obra literária Hospício é Deus: diário I (1965) e o documento audiovisual Santiago (2007)

Tamiris Tinti Volcean

Escritas em deslocamento: trânsitos conceituais
Tatiana da Silva Capaverde

Cartografia das imagens dos deslocamentos: um estudo comparativo-temático entre Dois irmãos e O presente absoluto

Vanessa da Silva Pereira

“Viver é muito perigoso”: as diferentes noções de justiça em
Grande sertão: veredas
Vinícius Victor A. Barros